Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Textos
Título Categoria Data Leituras
ELE AINDA É MEU BEBÊ Poesias > Bucólicas 07/11/17 18
BONECA DE PANO Poesias > Bucólicas 06/11/17 16
BONECA DE MILHO Poesias > Bucólicas 06/11/17 11
AONDE FORAM AS IDEIAS?... Poesias > Transcendentais 12/10/17 14
A CINDERELA SONHADORA E O PRÍNCIPE QUE VIROU SAPO Poesias > Desilusão 14/03/17 38
UM LERO COM DEUS (pensando com Miguel de Molinos) Poesias > Transcendentais 21/12/16 14
NUM QUARTO FECHADO, ABERTO PRO MUNDO... Poesias > Reflexão 28/11/16 20
S O R R I A !! Poesias > Alegria/Felicidade 25/03/15 47
NOSTALGIA Poesias > Bucólicas 02/05/13 49
O CINZA DA SAUDADE Poesias > Saudade 21/01/13 67
SONHANDO NATAL Poesias > Bucólicas 28/06/12 33
Hoje... Poesias > Dedicatórias 09/03/12 41
8 de Maio, O Dia da Mulher Poesias > Dedicatórias 09/03/12 34
MARIA Poesias > Dedicatórias 30/06/11 33
BOA NOTE À LUA Poesias 31/05/11 69
VÉSPERA DO DIA DAS MÃES Poesias > Dedicatórias 08/05/11 20
TRILHAS POTIGUARES 2001 - O DIA FATÍDICO Poesias > Recordações 08/03/11 30
A ALMA QUIETA CONTEMPLA DEUS Poesias > Espiritualistas 28/02/11 49
SOU MESMO UMA LESA ANDANTE Poesias > Redondilha 19/02/11 41
NOVA PROFISSÃO TARDIA QUE ME AGITA O CORAÇÃO Poesias > Redondilha 19/02/11 39
Página 1 de 9 1 2 3 4 5 6 7 8 9 [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.