Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Textos


AO POETA MANOEL SILVA
UM CIDADÃO NATALENSE
 
 
A Cultura Nordestina
Representa seu papel
Na Cultura Brasileira
E sendo a esta fiel,
O nordestino letrado,
Ou não, dá bem seu recado
No folheto de cordel.
 
E um desses nordestinos,
Manoel da Passarela,
O Poeta Manoel Silva,
O faz da forma mais bela
Com causos romanceados,
Rimados, metrificados,
Sem se importar com querela.
...
E eu digo: Admiro seu Manoel Poeta
Que rima e aboleta com jeito e carinho
Seus versos no dorso de um redemoinho
De belos poemas, buscando uma meta,
Versando e rimando de forma correta,
Sonhando, é verdade, mas sem cochilar,
Porque seu produto terá que pagar
Seu pão, sua roupa, seu divertimento...
Já que ninguém vive ao sabor do vento
Nem só de beleza na Beira do Mar.

 
Rosa Regis

NATAL/RN, 24/11/2016 – 03H25MIN
 
Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 27/11/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.