Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Textos
Título Categoria Data Leituras
O CINZA DA SAUDADE Poesias › Saudade 21/01/13 76
O CONCURSO QUE EU VENCI MAS NÃO GANHEI Poesias › Redondilha 26/01/11 50
O DESCUIDO DO SONHO Poesias › Amor 22/08/06 27
O DIA DO PROFESSOR EM 2016 Cordel 15/10/16 52
O DISTINO DE JUSÉ FIO DE DONA SINHÁ Cordel 19/06/07 96
O DOM DIVINO Poesias › Transcendentais 01/05/06 15
O GAROTO QUE O DESTINO TORNOU UM HOMEM SEM SORTE (Uma história verdadeira contada por uma mãe) Cordel 09/11/13 72
O GATO DE MAMÃ Sonetos 28/01/10 30
O HOMEM Trovas 15/08/09 27
O HOMEM "NAUFRAGA" E O DEUS "OBSERVA" Poesias › Pensamentos 14/05/06 26
O HOMEM DE PEDRA Infantil 29/03/11 303
O HOMEM E O PENSAMENTO FILOSÓFICO (Um pretenso cordel filosófico) Cordel 28/07/06 980
O HOMEM FELIZ Poesias 11/05/06 15
O HOMEM MORCEGOMEM Cordel 20/09/08 97
O HOMEM, UM SER IMPERFEITO, À PROCURA DA PERFEIÇÃO Poesias › Transcendentais 19/04/06 95
O INFERNO NO "SERROTÃO" Poesias › Social 05/05/06 39
O IPÊ ROXO (8º lugar na XVI FESERP) - leia e comente Poesias › Bucólicas 28/12/10 88
O JUMENTO E EU Rondel 27/10/14 43
O LIXO NAS RUAS TRAZ MALES À POPULAÇÃO Cordel 27/07/14 50
O MATUTO FILOSOFANTE Poesias › Regionais › Caipira 07/05/06 92
Página 15 de 23 « 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.