Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.
Rosa Regis Brincando com os Versos
Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Áudios
CHEIRO DA TERRA
Soneto de apresentação no livro: CHEIRO DA TERRA





Cheiro da terra é o cheiro do prazer
De ver o chão rachado, ressecado,
Agora umedecido e preparado
Para um novo plantio receber.

O cheiro que se espalha a promover
Nova esperança ao homem do roçado,
Cuja seca deixou desesperado,
Vendo os filhos sem ter o que comer.

Cheiro da terra que traz novo alento,
Amenizando um pouco o sofrimento
Desse povo sofrido e esquecido.

É o cheiro do Amor do Pai querido,
Que parece do alto ter ouvido
O choro do seu povo em desalento.



Rosa Regis


Com o coração repleto de amor
pelo meu Nordeste amado.
Enviado por Rosa Regis em 04/11/2021
Comentários