Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Meu Diário
02/04/2010 19h38
Sozinha no Mar da vida
 
 
 
Com a vida repleta de emoções
eu me vejo perdida de afazeres
que o tempo me tomam. E os prazeres
os esqueço em meio aos turbilhões
de problemas que, como furacões
fazem o barco da vida naufragar
me deixando sozinha em alto mar
de desgostos, saudades e temor
de que as ondas da vida ao meu amor
me tomou para nunca mais voltar.
 
 
 
 
Rosa Regis

Publicado por Rosa Regis em 02/04/2010 às 19h38

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.