Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.
Rosa Regis Brincando com os Versos
Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
 
O SOL E A CHUVA



Num céu de azul anil se faz presente
Um sol que aquece a terra e resplandece
No campo, na cidade... Mais parece
Um ser superior a qualquer ente.

E a chuva que começa de repente,
Faz que me encolha embaixo dos lençóis,
Num sono aconchegante. Girassóis
Povoam os meus sonhos, minha mente.

Então, o sol se vê submetido
Ao comando da chuva, agora dona
Do espaço que estava ao seu comando.

Na roça, o agricultor está plantando
O feijão, a mandioca e a mamona.
A chuva é o bem por Deus Pai prometido.



Rosa Regis
Natal/RN – 30 de abril de 2011
21:10h
Rosa Regis
Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 30/04/2011
Alterado em 27/06/2017
Comentários