Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Textos


Será que vale esperar
Por alguém que não me deu
O valor que eu merecia,
Sem nem ligar se doeu
Quando se foi me deixando,
Nem o que depois ocorreu?
 
Valeria mesmo a pena
Esperar por quem não vem?
Só porque nós desejamos
Ou porque queremos bem
Sem saber do sentimento
Que o seu coração contém.
 
Valeria ainda a pena
Conservar a esperança
De que um dia eu serei
Feliz qual uma criança
Ao conseguir conquistar
Uma vida leve e mansa?
 
Vale mesmo a pena a vida?
Pergunto-me todo dia.
Se a vida for bem vivida,
Diria que tem valia.
Mas o que me vale a pena
Para o outro, valeria?
 
Eu acho que vale a pena
Lutar com garra e vigor
Por tudo que vale a pena,
Principalmente o amor
Da pessoa a quem amamos
Ainda que cause dor.
 
Vale muito a pena rir
De bobagens vez em quando;
Também rir das coisas sérias
Que estejam ao seu comando.
Pois só assim conseguimos
Ir pelo mundo passando.
 
Vale a pena ser amigo;
Vale a pena perdoar;
Vale a pena divertir-se;
Vale a pena festejar
Com a família e com os amigos.
E vale a pena abraçar!
 
Ajudar quem necessita,
Vale muito a pena, sim!
Vale a pena ser feliz
Para você e pra mim.
A vida, em si, vale a pena!
Do começo até o fim.
 
E se lutar nessa vida
Vale a pena? Como não?
Sem luta a vida não tem,
Em si, nenhuma emoção!
Para viver bem a vida
Só com uma luta renhida
Onde manda o coração.
 

 
 
Rosa Regis
 
Natal/RN – 06/03/2018 - 23h24min.
Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 26/03/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.