Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.
Rosa Regis Brincando com os Versos
Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
O QUE É PARTO HUMANIZADO?

 
Neste mundão de Meu Deus
O que vem da Natureza
É o que faz que possamos
Viver em paz, com certeza!
Mas o humano, inconsequente,
Desfaz essa realeza.
 
Falando do nascimento;
Da vida do adolescente
Já perto da vida adulta
De uma forma consciente;
A gravidez e o parto
Se farão sempre presente.
 
Estas são experiências
Que às vezes provocam dor
Porém se naturalmente
Ocorrem, fala o amor,
Bem como a satisfação
Do “ser participador”.
 
Humanizar é dar crédito
Ao aspecto natural
Da gestação e do parto;
É respeitar, no geral,
No indivíduo, o psíquico
E o emocional.
 
É respeitar a mulher
No âmbito familiar;
Torna-la protagonista
Do que ela vai enfrentar;
É garantir-lhe o direito
De se emocionar.
 
Na água, no Hospital,
Em casa, onde quer que seja,
O parto é humanizado
Se é como a mulher deseja.
Isso, é claro, será certo,
Se a sua saúde enseja
 
De acordo com a maioria,
O parto é humanizado
Quando a mulher toma parte
Nas decisões, sendo dado
Valor ao que ela decide,
De como é do seu agrado

Nem todo parto normal
Pode ser classificado
Ou dito, com segurança,
Ser um parto humanizado.
Senão vejamos exemplos
Que condizem com o falado.
 
A anestesia, os exames
Vaginais em quantidade,
Jejum e uso de soro
Sem grande necessidade
Aumentando as contrações.
Parece até que é maldade.
 
Luz, ruídos excessivos,
A ferro o bebê puxar;
Movimentos naturais
Procurando limitar.
Fazer parto desse modo
Se diria humanizar?
 
E sobre a cesariana,
Poder-se-ia dizer
Ser um parto humanizado?
Em certo ponto, ao meu ver.
Como em parte humanizado
Se muito, podia ser.
 
Dando-lhe algumas mudanças:
Controlar ruído e luz,
Deixar que o pai acompanhe
Porque a isso faz jus,
Por o bebê pra mamar
O que ao bem-estar conduz.
 
Como a mulher se prepara
Para o parto humanizado?
O primeiro passo é
Pré-natal acompanhado
Com exames que garantam
Ser o bebê bem cuidado.
 
Procurar um obstetra
Que saiba bem conduzir
O parto da sua escolha
E que possa garantir
Ter uma equipe engajada
Que esteja pronta a agir.
 
Mesmo assim para dar certo
‘’A grávida tem que querer
O seu parto humanizado,
Não deve nunca escolher
Só porque está na moda’’
[i],
Para não se arrepender.
 
Para a mãe e para o filho
Há vantagens que só vendo:
Ausência da anestesia,
Remédios não carecendo,
Conforto emocional,
Com certeza, recebendo.
 
O restabelecimento
Tem muito mais rapidez!
A experiência do parto
Vista com mais nitidez
Dá bem muito mais leveza
Mesmo da primeira vez.
 
Para o bebê também há
Vantagens no nascimento
Feito por parto normal
Não tendo como elemento
O stress da mamãe,
Bem mais suave é o momento.
 
Sendo amamentado logo
Que nasce e da mamãe tendo
O carinho e o aconchego
Já vai, claro, acontecendo
O vínculo da mãe com o filho
Que seguirá num crescendo.
 
Mas isso não quer dizer
Que todo parto normal
Seja sempre humanizado
Por dizer-se natural,
Às vezes causa terror
Dentro do próprio hospital.
 
Posso até falar de mim,
Que tive a triste e má sorte
De fazer meu pré-natal
No Rio Grande do Norte
Com um ginecologista
Que do mal era o transporte.
 
Foi ele mesmo quem fez
Meu parto. Mais parecia
Um açougueiro maldoso!
Se eu gemia, ele dizia
Que tudo aquilo era manha!
Daquilo não carecia!
 
Não permitia a entrada
De nenhum familiar,
Não procurava saber
Do meu mal ou bem-estar
Nem me deu meu filho ao colo
Pra que eu o pudesse abraçar.
 
Em um parto humanizado
Práticas e procedimentos
Buscam adequar-se ao processo
Aonde os medicamentos
Sejam em si considerados
Como os últimos elementos.
 
É dever da Unidade
De Saúde receber,
E tratar condignamente
A mulher, que sendo um ser
Que traz outro ser consigo,
O faz bem por merecer.
 
Tratar bem também seu cônjuge
Ou qualquer familiar
Que venha de acompanhante
À mamãezinha apoiar.
Bem-tratar ao nascituro,
O serzinho que vai chegar.
 
Um ambiente acolhedor
Deve sempre ser criado,
Para a mãe, seu cuidador,
E o bebê recém-chegado,
Rompendo com aquela coisa
De um ambiente isolado.
 
O carinho do marido
O papaizinho coruja,
Da família como um todo
Tendo também, de lambuja,
O atendimento médico
Que ao zelo nunca fuja.
 
Que seja parto normal,
Ou mesmo Cesariana,
Se a mamãe for atendida
De uma maneira bacana,
Tudo caminhará bem.
Será pura filigrana!
 
Enfim, para bem dizer:
O parto humanizado
Vai desde a fecundação
Até ser finalizado
Com o parto em si. Com a chegada
Daquele serzinho amado.
 
Conhecer seu próprio corpo
É fator primordial
Para o parto humanizado,
Pois, de forma natural,
Se sente as necessidades
Que o corpo tem, como tal.
 
Mando um recado à mulher:
- Lute pelo seu direito
De parir como quiser,
Com dor, sem dor... Mas respeito
Exija para consigo
E para seu filho! Eu digo
E garanto: Surte efeito.
 
 
Fim
 
 
 

Rosa Regis
Natal/RN – 13/12/2017 – 01h:16min.

 
 

 


 
 
 
[i] Alerta do obstetra Lobão.
Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 13/08/2021
Alterado em 14/08/2021
Comentários