Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Textos
Título Categoria Data Leituras
AONDE FORAM AS IDEIAS?... Poesias › Transcendentais 12/10/17 33
UM LERO COM DEUS (pensando com Miguel de Molinos) Poesias › Transcendentais 21/12/16 22
SOMOS TODOS PARASITAS?! Poesias › Transcendentais 22/12/07 40
SÓ A INOCÊNCIA ATINGE O "NADA" Poesias › Transcendentais 17/06/06 34
DE NÁUFRAGO A ESPECTADOR (Poesia filosófica) Poesias › Transcendentais 05/05/06 71
O DOM DIVINO Poesias › Transcendentais 01/05/06 15
A ÁRVORE E O HOMEM Poesias › Transcendentais 27/04/06 32
O BEM E O BELO Poesias › Transcendentais 25/04/06 30
A C E R T E Z A Poesias › Transcendentais 22/04/06 23
ONDE ESTARIA O SER Poesias › Transcendentais 21/04/06 24
O HOMEM, UM SER IMPERFEITO, À PROCURA DA PERFEIÇÃO Poesias › Transcendentais 19/04/06 96
EU E VOCÊ (Somos iguais na essência) Poesias › Transcendentais 17/04/06 43
HOMENS!... QUEM SÃO?! Poesias › Transcendentais 17/04/06 38
QUEM SOU? Poesias › Transcendentais 16/04/06 50
MAR, NAVEGAÇÃO, NAUFRÁGIO E ESPECTADOR Poesias › Transcendentais 03/04/06 38
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.