Sem noção de amor fraterno// O homem agride o irmão,// Num ato que mostra o inferno// Que trás em seu coração.

Rosa Regis Brincando com os Versos

Pensares que se transformam //espalhando poesia, //pegam carona no vento// enchem meu ser de alegria

Textos
Título Categoria Data Leituras
SAUDADE DO CANDEEIRO Sonetos 09/03/11 92
TRILHAS POTIGUARES 2001 - O DIA FATÍDICO Poesias › Recordações 08/03/11 30
AVALIAÇÃO SONETADA Sonetos 01/03/11 28
A ALMA QUIETA CONTEMPLA DEUS Poesias › Espiritualistas 28/02/11 50
O SILÊNCIO DA ALMA Trovas 27/02/11 51
SOU MESMO UMA LESA ANDANTE Poesias › Redondilha 19/02/11 45
NOVA PROFISSÃO TARDIA QUE ME AGITA O CORAÇÃO Poesias › Redondilha 19/02/11 40
O CONCURSO QUE EU VENCI MAS NÃO GANHEI Poesias › Redondilha 26/01/11 51
“AS NOITES DE MAIO DA SINHÁ SANTINA” Poesias › Recordações 24/01/11 111
O RIO PIRARI Sonetos 24/01/11 33
UM AMOR PARA A ETERNIDADE! Poesias › Dedicatórias 17/01/11 44
O IPÊ ROXO (8º lugar na XVI FESERP) - leia e comente Poesias › Bucólicas 28/12/10 93
RIACHO DOS MEUS AMORES Sonetos 19/12/10 34
O AMOR É IMORTAL Sonetos 19/12/10 28
Viva!! O MinC me aprovou. Trovas 16/12/10 24
O POR DO SOL EM NATAL II Poesias › Redondilha 06/12/10 43
O POR DO SOL EM NATAL I Poesias 06/12/10 42
UM SINDICATO DE GARRA DESDE SUA CRIAÇÃO Cordel 01/12/10 35
Uma Incelença ao meu ex-amor. (poesia rimada e metrificada - setilha) Cordel 21/11/10 341
FREDERICA (Uma velha gata persa carinhosa/ que se foi deixando em nós muita saudade) Poesias › Saudade 05/10/10 74
Página 9 de 24 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Parei em mim, matutando// O que é certo ou errado// E acabei esnobando// Que estava ali ao meu lado.